Sampdoria 1 X 2 Napoli (19/09)

Novamente a Samp sofre gols nos minutos finais

Contrariando todas as previsões, a Sampdoria decepcionou ao ser derrotada pela equipe do Napoli, de virada, diante de sua torcida. Virou uma constante nesta temporada a equipe sofrer gols nos minutos finais.

O jogo

Parecia que quem jogava em casa era o Napoli. Os visitantes não se intimidaram com o Marassi lotado e assumiram o controle desde o início, com trocas de passe eficiente e ataque pelas pontas.

Cavani teve uma grande chance de abrir o placar aos 13 minutos, quando recebeu um longo passe na marca do pênalti e ficaria de frente para Curci, mas o uruguaio não conseguiu dominar a bola.

A Samp só acordou a partir dos 23 minutos, quando Semioli conduziu a bola pela direita, passou para Cassano, que achou Guberti na entrada da área. O ala chutou de primeira, levando perigo ao gol de De Sanctis.

Cassano foi empurrado dentro da área após lançamento de Palombo em cobrança de falta, mas o árbitro ignorou o pênalti.

Aos 37, Lavezzi acertou um voleio de dentro da área que obrigou o goleiro Curci a fazer uma bela defesa. No entanto, o atacante do Napoli recebeu em posição ilegal e a jogada foi anulada.

Minutos depois, o goleiro da Samp foi forçado a fazer outra defesa em cabeçada de Dossena. E no último lance da primeira etapa, um chute de fora da área de Dossena foi espalmado por Curci.

A Sampdoria tentou mudar o ritmo da partida após o intervalo. Mas o Napoli foi quem assustou primeiro quando um erro de Dessena originou um contra-ataque que resultou em um belo chute de Gargano, passando perto do gol de Curci.

Curci fez outra boa defesa em um chute de Cavani aos 58 minutos. Minutos depois, foi a vez de De Sanctis mostrar serviço, ao encaixar firme chute de Palombo em cobrança de falta.

A partida esquentou nos quinze minutos finais. Aos 76, após um rápido ataque feito pela Sampdoria, Pozzi foi impedido de chegar na bola cruzada por Cassano, e o árbitro marcou pênalti. Cassano converteu, chutando no canto esquerdo de De Sanctis, que por pouco não alcançou.

O gol da Sampdoria motivou ainda mais o adversário, que chegou ao empate em questão de minutos. Aos 83 minutos, Gargano rolou a bola no meio da pequena área – em uma cobrança de falta ensaiada que pegou toda a defesa da Sampdoria de surpresa – e achou Hamsik, que só teve o trabalho de escolher o canto e finalizar.

Mas o pior ainda estava por vir. Dois minutos depois, um cruzamento pela esquerda de Lavezzi achou Cavani na pequena área. O uruguaio chegou antes de Lucchini e finalizou, sem chances para o goleiro Curci. Virada napolitana.

A Samp ainda tentou diminuir o prejuízo nos acréscimos. Uma bola alçada por Koman deixou Palombo em condições de chute, mas o capitão da Sampdoria foi desarmado por Cannavaro.

Derrota consumada. Três pontos perdidos. E lá se foi a invencibilidade de mais de um ano da Sampdoria jogando em casa (pela Serie A). Uma pena…


Melhores Momentos:

Escalações:

Sampdoria (4-3-1-2): Curci; Zauri, Gastaldello, Lucchini, Ziegler; Palombo, Dessena, Semioli (Mannini 71); Guberti (Koman 79); Cassano, Pazzini (Pozzi 74)

Napoli (3-4-2-1): De Sanctis; Campagnaro, Cannavaro, Grava; Maggio, Pazienza, Gargano, Dossena; Hamsik, Lavezzi (Sosa 91); Cavani

Gols: Cassano pen 78 (S), Hamsik 83 (N), Cavani 86 (N)

Uma resposta para Sampdoria 1 X 2 Napoli (19/09)

  1. […] – A Samp empata fora de casa com a Juventus em uma partida eletrizante de 6 gols. – A Samp perde a invencibilidade em casa ao ser derrotada pelo Napoli, pelo placar de 2 a 1. […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: