Di Carlo elogia o time e convoca torcida para domingo

Di Carlo cumprimenta Ângelo Da Costa, brasileiro que defendeu dois pênaltis na noite (www.sampdoria.it)

Di Carlo cumprimenta Ângelo Da Costa, brasileiro que defendeu dois pênaltis na noite (www.sampdoria.it)

Traduções de Thiéres Rabelo

Após a sofrida vitória contra a Udinese, onde a Samp garantiu, nos pênaltis, passagem para as quartas-de-final da Coppa Italia, o treinador Domenico Di Carlo elogiou sua equipe e acredita que esse mesmo “espírito” poderá tornar a Samp novamente uma ameaça.

Para Di Carlo, esta vitória apaga, de uma vez por todas, a eliminação na Liga dos Campeões. “Estou orgulhoso desta vitória, buscada, perseguida e desejada de coração. Provavelmente com essa vontade, aquele mata-mata (contra o Werder Bremen) teria terminado de um outro modo. Podemos dizer que esta Sampdoria nasce daquela grande tristeza” falou o técnico.

A partida contra a Udinese foi cheia de emoções. “O nosso primeiro tempo foi extraordinário. Nós dominamos, com cruzamentos, chutes, contra-ataques, jogadas de qualidade. Foi a Samp que vamos querer ver sempre e que esperamos ver constantemente. No segundo tempo, a Udinese saiu para o jogo, tomou o controle do campo, mas com a entrada de Tissone, conseguimos resistir. Mas o futebol é imprevisível, é feito de episódios. E o episódio foi o gol da Udinese aos 45 minutos, sendo que poucos segundos antes Pazzini teve nos pés a bola do segundo gol em seus pés”, comentou Di Carlo.

Di Carlo exalta o poder de reação do time, que jogou com um jogador a menos já no início da prorrogação, já tendo sofrido o segundo gol. “O espírito da Samp surgiu nesse momento. Conseguimos acabar com a desvantagem, mesmo com um homem a menos e digo que merecemos esse resultado. Uma vitória que dá confiança e estima para o time e ao nosso ambiente. Quem estava no estádio nesta noite pôde apreciar o nosso grande coração. Convido toda nossa grande torcida a nos apoiar, assim como fizeram hoje, no domingo, contra a Juventus. Eu gostaria que o Ferraris virasse um caldeirão. A vitória contra a Udinese deverá ser um início”, fala o treinador.

Da Costa defende o segundo pênalti da noite, o de Isla (www.sampdoria.it)

Da Costa defende o segundo pênalti da noite, o de Isla (www.sampdoria.it)

O treinador não deixou de também elogiar o goleiro brasileiro Ângelo Da Costa, responsável pela classificação no jogo de ontem, ao defender duas penalidades nas disputa por pênaltis. “O nosso goleiro na Coppa Italia é ele, como dissemos no início da temporada. Tem uma grande qualidade e mostrou isso. Tenho certeza que continuará mostrando isso nas próximas partidas, espero que até na final”, falou o comandante. Ele não deixou de elogiar o restante do time. “Mas estão todos de parabéns, Mannini, Pazzini, Macheda. Ziegler, bravíssimo. Se ele vai embora? Por enquanto, ele ainda joga pela Samp”, comentou. “Esperamos uma série de jogos difíceis. A Juve, o Napoli, as quartas na Coppa Italia, o dérbi (oficialmente marcado para o dia 16 de fevereiro). Nos concentramos na próxima, a Juve. Esta noite nos esforçamos muito, mas, quando se vence, o cansaço é menos percebido”, concluiu Di Carlo.

Nesta manhã, o presidente Riccardo Garrone também comentou a vitória. “Ontem à noite? Bem, muito bem. Mas agora é preciso repetir no domingo, contra a Juventus”, disse o cartola. Apesar de ter dito não querer falar sobre futebol, Garrone parabenizou seu time, mas não quis comentar a possibilidade de enfrentar seu ex-pupilo Antonio Cassano, com a camisa do Milan, caso este vença o Bari hoje, na seqüência da Coppa. “Agora, precisamos pensar no domingo e na Juve”, falou Garrone.

À tarde, o presidente comentou a chegada do lateral húngaro Zsolt Lazcko. “É um ótimo jogador, mas tenho que deixar claro que a sua chegada é em função da situação de Ziegler. É a nossa política a busca por jogadores novos no time”, falou o presidente blucerchiato (clique aqui e ouça).

Confira os melhores momentos da partida de ontem:

4 respostas para Di Carlo elogia o time e convoca torcida para domingo

  1. Minha opinião não cabe no post, pois apenas traduzo o que leio em jornais italianos, mas acho que o Di Carlo tirar o Macheda foi o que fez o jogo ser o sufoco que foi. Nada justifica e acho que foi um erro da parte dele. É isso. =)

  2. George Dória disse:

    Quem diria, a Samp vencendo nos penaltis com gol de Tissone, rsrs.

    Da Costa foi demais! Quando tudo parecia perdido, ele defendeu o penalti e manteve a Samp na disputa. Excelente atuação! Um paredão!

    Agora é manter essa garra para os próximos confrontos. Forza Samp!

  3. Nossa eu não vi o jogo, eu vi estava 2 a 1 pra UDINESE, mas achei que tinha acabado e de tão grilado nem quis ver, mas a noite, quando fui saber as novidades, vi a vitória histórica da SAMPDORIA. Da Costa é muito bom goleiro, no jogo contra o Decebren ele defendeu muita bola, e nessa decisão ele foi super bem, defendeu 2 bolas dificeis especialmente a primeira que trouxe a Samp pro jogo.

    Quanto ao Tissone hahaha, ele é louco, fez esse gol pq o Goleiro escolheu o canto errado. Afff não gosto dele de jeito nenhum

    è Verdade George devemos manter a A Garra !!
    e que venha o Milan !!

  4. Matheus disse:

    Quem diria que esse bracinho de jacaré iria salvar a gente.

    Tissone fez a primeira coisa boa desde que chegou na Samp, aliás a Samp vem dando um azar danado com sul-americanos atualmente, é Catê, Doriva, Ortega, Olivera, Bottinelli e agora o Tissone.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: